19 maio 2016

Para onde vai o lixo que produzimos?

O lixo que produzimos, é  um grande desafio para enfrentarmos,  em visita ao Aterro Sanitário Municipal, verificamos que no município a porcentagem de lixo separado é absolutamente irrelevante. 
Muito precisa ser feito em questão  de  conscientização,  informação e  orientação sobre a   separação dos lixos produzidos em nossos casas. A conscientização dever ser maciça, nas escolas, nos meios de comunicação, nas redes sociais. Mas não basta separar temos que ter investimento nas coletas, intensificar as coletas  nos bairros, é uma das solicitações da população. 
O Brasileiro gera em média um quilo de lixo por dia, e onde tudo isso vai parar?

Convido a população para visitar o aterro sanitário e entender porque esse pessoal que trabalha bravamente na separação  do lixo deve ser tão respeitado e valorizado.  Mulheres e homens guerreiros labutam nesta tarefa tão árdua e silenciosa dando conta de separar tudo o que juntamos.


Essa tarefa é de todos nós, eu estou nela, conscientizar é preciso!

Curiosidade: 
Uma em cada três pessoas no país não faz ideia de onde vai parar todo o lixo que ela produz por dia. Se você é uma delas, aprenda: a grande maioria do lixo produzido no Brasil é destinada a aterros sanitários. Lá, essa matéria é fermentada, gerando o chorume e o gás metano. Outra parte do lixo vai para usinas de reciclagem, solução muito mais ecológica. O processo, no entanto, é 15 vezes mais caro do que o realizado nos aterros. - See more at: http://guiadoscuriosos.com.br/categorias/3104/1/lixo.html#sthash.rBWFcXFu.dpuf

18 maio 2016

Projeto de controle ético da população de cães e gatos é uma de nossas cobranças


Através da Indicação nº 34 de nosso Gabinete cobramos e queremos colaborar na criação de um projeto adequado  para o município de controle da população de cães e gatos, pautado no que determina a Lei Estadual nº 17422.
Muitos são os pedidos e anseio da população no sentido de resolver  as questões relacionadas aos cães e gatos que de forma angustiante ficam vagando pelas ruas por  conta de abandono e sendo muitas vezes vítimas de maus tratos e brigas entre eles próprios. 
Já existe um trabalho realizado pelo poder público neste sentido, que inclusive conta com a grande e valiosa colaboração dos vários voluntários que compõem o Transformacão, grupo esse que merece colaboração e respeito pela grande parcela de ajuda a esta causa tão nobre de apoio à vida de animais, principalmente dos abandonados.
O cuidado com a criação do Projeto deve levar em conta além da esterilização , a identificação e registro, o controle de criadouros, a adoção, campanhas  educativas, tudo o que faz parte tecnicamente do controle ético da população de cães e gatos. 
E assim seguimos aprendendo, buscando, fazendo, cobrando...

11 maio 2016

Projeto de Lei de nossa Autoria oferece ao Município do Dia Municipal do Tropeiro em Jaguariaíva - 12 de maio

12 de Maio

Dia Municipal do Tropeiro de Jaguariaíva 


Entendo que inerente a função do Vereador representar a vontade da população, principalmente quando o conteúdo dessa vontade, venha a favorecer uma coletividade. 
E imbuída dessa responsabilidade que reuni a comunidade envolvida com a história e cultura do nosso Município para ouvir o interesse  e o anseio de impedir que fatos importantes como a história do Tropeirismo em Jaguariaíva sejam esquecidos e/ou não sejam repassados as novas gerações e às gerações vindouras . 
Foi com interesse de colaborar com a Cultura e história do Município  e com o dever de ser instrumento da vontade do povo que propusemos na Câmara , ao ouvir sugestões da população envolvida o Projeto de Lei  , que foi aprovado na Câmara Municipal e sancionado pelo executivo, e passou a ser Lei Municipal nº , o Dia Municipal do Tropeiro em Jaguariaíva, 12 de Maio, já que o nosso Município é tem  o Tropeirismo enredado na sua história. Assim nada mais  justo que nosso Município ter um dia específico para a comemoração desta data tão representativa para a  nosso história. 
Aos  Munícipes que lutam para que essa fundamental parte da nossa história não seja esquecida  e nem deixe de ser repassada as novas gerações, vai o nossos Aplausos, Porque  o valor  histórico  e cultural deve ser apartidário e tem a missão de promover o desenvolvimento integral do indivíduo. 

10 maio 2016

Gabinete da Vereadora Sandra colabora com o Maio Amarelo realizando oficina de Educação para o Trânsito



O Movimento Maio Amarelo nasce com uma só proposta: chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito em todo o mundo. O objetivo do movimento é uma ação coordenada entre o Poder Público e a sociedade civil. A intenção é colocar em pauta o tema segurança viária e mobilizar toda a sociedade, envolvendo os mais diversos segmentos: órgãos de governos, empresas, entidades de classe, associações, federações e sociedade civil organizada para, fugindo das falácias cotidianas e costumeiras, efetivamente discutir o tema, engajar-se em ações e propagar o conhecimento, abordando toda a amplitude que a questão do trânsito exige, nas mais diferentes esferas.

Nosso Gabinete deu a devida  contribuição com  o Movimento do Maio Amarelo, quando   desenvolvemos açoẽs em favor da Educação no Trânsito em nosso Município.
Solicitada e organizada por nosso gabinete aconteceu na Câmara Municipal a Oficina "Paz no Trânsito" Proposta e ministrada pelo Detran Paraná e com o Apoio da Câmara Municipal ,   Núcleo Regional de Educação  de Wenceslau Braz e Fajar - ULT. , Auto Escola Jaguar.
Contamos com a Participação de todas as Escolas Estaduais e Particulares do Município e também Escolas Estaduais dos Municípios vizinhos Sengés e Arapoti.
A oficina oferecida e proposta pelo Detran Paraná tratou da " Paz no Trânsito" com a participação de Diretores, Equipe Pedagógica, Professores, e alunos das Escolas Estaduais , Particulares   e APAE, oferecendo conteúdo teórico bem como informações e orientações para serem trabalhadas posteriormente em sala de aula. Momentos de atividades práticas aconteceram com a participação animada de todos os presentes.

Os trabalhos foram coordenados pelos docentes do Detran Leonardo Nápoli e Noedy Parice Mendes Bertazzi. Professores, alunos e parceiros da iniciativa estiveram acompanhando as palestras sobre educação para o trânsito. A chefe do Núcleo, Sheila Alvarez também esteve presente. “Parabenizamos a iniciativa da vereadora Sandra, uma iniciativa inédita que visa promover essa educação para o trânsito, tão necessária para a nossa sociedade” disse a Chefe. “O objetivo é conscientizar nossos educadores e alunos para que cada vez mais trabalhem o tema em sala de aula, contribuindo para diminuição no número de acidentes de trânsito” falou Sandra.
Pela manhã, os participantes participaram de palestras sobre o “Cenário atual do trânsito, fundamentação legal e técnica” e “Diretrizes para a Educação para o Trânsito para o Ensino Fundamental”. Na parte da tarde foram realizadas oficinas práticas e a apresentação de propostas de atividade de educação no trânsito em Jaguariaíva. “É claro que temos consciência que precisamos de medidas urgentes em relação ao trânsito em nossa cidade. Providências têm sido solicitadas por esta Casa e imagino que percebido também pelo executivo, porém entendemos que a verdadeira transformação se faz pela Educação. Assim, estamos unindo forças no sentido de Educar para que, quem sabe no futuro, possamos desfrutar de uma postura diferente dos nossos cidadãos em relação ao trânsito” disse a vereadora.

05 maio 2016

Comissão Parlamentar comemora participação da população na Audiência Pública de Cultura


No último dia  28 de abril , aconteceu no plenário  da Câmara Municipal a Audiência Pública, cujo tema discutido foi Cultura no Município de Jaguariaíva. A Comissão de Educação, Cultura, Meio Ambiente e Ecologia convidou insistente mente a  população para participar e discutir o tema.
Foi com grande satisfação que recebemos a comunidade interessada  e participou com grandeza de  conhecimento no assunto. 
A secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esportes compareceu para informar a população avanços e dificuldades na área, o departamento de Cultura expôs projetos em andamento e açoẽs já realizadas. 
Artistas e simpatizantes da Cultura participaram com propriedade e demonstraram grande interesse em fazer parte dos rumos da Cultura no município, solicitando assim a democratização da Cultura , através da formação de Conselho Municipal da Cultura,  a elaboração de um Plano de Cultura democrático com envolvimento da população, principalmente dos que efetivamente fazem e vivem a Cultura do Município.
Como parlamentares  sentimos muita satisfação por ter colaborado com a  democracia, proporcionando momentos para a  população ser ouvida oficialmente sobre seus anseios,  frustrações e sonhos.  Porque  cultura é mais do que uma característica essencial de uma sociedade, a cultura pode ser considerada como o elemento principal que difere uma nação de outra. Os costumes, a música, a arte e, principalmente, o modo de pensar e agir, fazem parte da cultura de um povo e devem ser preservados para que nunca se perca a singularidade do coletivo em questão.
E um dos objetivos de democratizar a cultura é aumentar o acesso aos bens culturais que já existem, possibilitando que as pessoas possam desenvolver o seu próprio modo de ser e participar da comunidade como um todo.